ROTA DAS CACHOEIRAS – RIO DOS PARDOS

Inicialmente esse roteiro levava apenas à cachoeira conhecida como Salto do Rio dos Pardos.

Agora esse roteiro sinaliza SETE CACHOEIRAS entre elas o Salto do Rio dos Pardos.

Você pode ir diretamente ao Salto do Rio dos Pardos ou visitar todas, não sei se dá tempo de fazer tudo num dia apenas, são elas na ordem que você passará pelo caminho:

Cachoeira do Taquaral: 


Cachoeira do Maratá:


Cachoeira do Vezaro:



Cachoeira do Pocinho:



Cachoeira da Rampa:



Cachoeira do São Francisco:
(Não tenho fotografia dela de frente ainda) 


Cachoeira 2 (não sei se tem nome) 
no córrego que corta a trilha do Rio dos Pardos
(Não tenho fotografia ainda)

Cachoeira 1 (não sei se tem nome) 
no córrego que corta a trilha do Rio dos Pardos
(Não tenho fotografia ainda)

Salto do Rio dos Pardos 

  
 dois caminhos principais para se chegar à Cachoeira do Rio dos Pardos, um indo pelo Maratá outro indo por Santa Cruz do Timbó. Dentro desses caminhos principais há diversas opções de sub-rotas para passar por outras localidades e outros pontos turísticos. Mas aqui vou abordar apenas a rota mais curta para se chegar ao Salto do Rio dos Pardos:

CAMINHO PELO MARATÁ

O ponto de partida para as quilometragens sempre será a Prefeitura de Porto União, o ideal seria zerar o hodômetro em frente ao prédio para acompanhar a quilometragem, pois vou colocar de forma crescente.

Antes de mais nada, estão levando sacos de lixo para não deixarem lixo jogado no entorno da cachoeira? Atenção pessoal visitar é legal, poluir não!!!

RESUMO PARA OS QUE CONHECEM A REGIÃO:

Km 0 - Prefeitura de Porto União
Km 6,5 - Trevo para Caçador: dobre à direita. 
Km 14 - Portal do Maratá: dobre à esquerda.
Km 14,9 – Bifurcação depois da Ponte: Dobre à direta.
Km 15 – Bifurcação: Dobre à esquerda subindo.
Km 21,2 – Comunidade do Maratá e bifurcação: dobre à esquerda sentido Bom Princípio. Aproveite para conhecer a Gruta, o Rosário de Pedras, e a Igreja. Aqui existe a Cachoeira do Maratá, mas não é aberta a visitação.
Km 23,5 – Entroncamento: Siga reto, logo haverá roteiro para outra cachoeira aqui.
Km 24,7 - Bifurcação Bom Princípio: Pegue à direita subindo. Quando conseguir autorização dos donos do terreno vou divulgar outro roteiro para cachoeira aqui.
Km 26,1 - Bifurcação Serra de Santa Cruz: Pegue à direita descendo.
Km 27,8 – Propriedade com diversos tanques: aqui você pode conhecer a Cachoeira do Vezaro SE OBTIVER AUTORIZAÇÃO!
Pare, converse com o pessoal e provavelmente não haverá problema para conhecer e tirar uma fotografia da cachoeira.
Km 30,3 - Entroncamento Rio dos Pardos: Siga reto.
Km 32,4 – Propriedade do Sr. Albino Kroetz, fica numa descida em Curva à direita, logo a frente vai ter uma pontezinha e uma subida, fica antes da ponte a propriedade dele. Aqui são 3 cachoeiras, uma delas com cerca de 50m de queda. converse com ele, OBTENHA AUTORIZAÇÃO e conheça!
Km 32,7 – Logo à frente, no meio da curva à direita em subida está a entrada para o Salto do Rio dos Pardos: pegue à esquerda no meio da subida.
Km 34,4 – Início da trilha para o Salto do Rio dos Pardos. Há mais 2 cachoeiras no riozinho que corta a trilha. Uma 500 metros acima e outra um pouco mais acima ainda.


PARA OS QUE QUEREM VISITAR 
MAS NUNCA ANDARAM NO INTERIOR DO MUNICÍPIO, NÃO SE PREOCUPEM,
COM ESSE ROTEIRO,
VOCÊ VAI ACHAR AS CACHOEIRAS COM CERTEZA!

Km 0, saindo da frente da Prefeitura de Porto União sentido Bairro Santa Rosa, via Avenida Santa Rosa serão 5,6km até o Portal de Porto União. 

Por volta dos
 Km 6,5 você irá chegar no Trevo para Caçador, vire à direita e entre na SC-135 sentido à Caçador. 

Aproveite bem o asfalto, pois pelo 
Km 14 de sua viagem ele vai acabar, exatamente na entrada para o Maratá. Então, reduza a velocidade, pois você vai deixar o asfalto e vai entrar à esquerda e passar sob o Portal do Maratá: 


As estradas do interior são em geral muito boas, mas fica a recomendação de dirigir devagar e aproveitar a paisagem. 

Passando pelo portal você vai ter uma reta, duas curvas à esquerda e uma à direita e vai entrar na Ponte do Pintado,
 14,9km, de onde dá para ver a antiga ponte caída à direita (obra da enchente de 1983): 

Passando a ponte você vai se deparar com uma bifurcação, a estrada da direita leva ao Maratá, então dobre à direita: 


Siga alguns poucos metros e vai ter outra bifurcação então siga o caminho da esquerda que inicia uma subida: 

Seguindo sempre pela via principal, você vai dirigir até o Km 21,2 e vai chegar à entrada da comunidade do Maratá, siga em pela via principal em frente:


Logo à frente você vai se deparar com a Gruta do Maratá, com o Rosário de Pedras, com a Igreja Nossa Senhora de Candeias e há aqui também a Cachoeira do Maratá que fica em terreno particular e infelizmente não é aberta a visitação. (figuras a baixo).




Se tiver tempo aproveite para conhecer e tirar umas fotografias, vale a pena, o lugar é muito bonito.

Seguindo viagem logo a frente da Gruta do Maratá (menos de 100 metros) haverá outra bifurcação:

 Pegue à esquerda, deve haver uma placa lá, já passei vezes que tinha e outras que não tinha, mas se tiver ela vai provavelmente estar indicando que esse caminho é para a Cachoeira do Rio Bonito, não se desespere você está no caminho certo, este também é o caminho para a Cachoeira do Rio Bonito. 

No Km 23,5 você vai chegar em um entroncamento em forma “T”, aqui é uma das vias de acesso á comunidade de São Martinho, aqui em breve haverá um roteiro para pelo menos mais uma cachoeira aqui. Mas, por enquanto, siga reto:

Lá pelo
 Km 24,70 você vai chegar em uma nova bifurcação tem uma placa indicando as direções, mas em todo caso, pegue o caminho principal da direita subindo. Nesse ponto à esquerda você verá a Igreja Nossa Senhora Aparecida e o Posto de Saúde de Bom Princípio, que antigamente era uma escola. Essa é a outra via de acesso à comunidade de São Martinho e também tem cachoeira aqui (que ainda não conheço), vou conversar com os donos do terreno onde ela está e quem sabe um dia eu coloque o roteiro dela aqui:

No 
Km 26,1 você vai chegar em outra bifurcação, pegue o caminho da direita descendo:

Mais um pouco a frente, Km 27,2 quando você passar ao lado de laguinho numa curva, você logo a frente vai deparar-se com uma propriedade com vários tanques Km 27,8, aqui tem uma cachoeira:

Aqui logo que você parar o carro já vai ouvir o barulho da Cachoeira do Vezaro. Ela tem menos de 10m de queda mas vale a visita.

Não entre visitá-la sem autorização!

Peça com educação e provavelmente você vai conhecer a cachoeira tirar umas fotos e ir embora, não há muito mais a fazer aqui, até porque por conta da atividade rural que a família desenvolve o cheiro não é dos mais agradáveis.

Seguindo em frente, aproximadamente no 
Km 30,3 você vai chegar a um entroncamento de vias a principal vai lhe levar à Cachoeira do Rio dos Pardos então siga reto. O caminho da esquerda vai te levar à Cachoeira do Rio Bonito que fica há cerca de 15 quilômetros desse ponto. Mas como estamos indo ao Rio dos Pardos vamos seguir reto:

Bom, estamos quase lá, então agora se preparem para a subida, daqui até as últimas 6 Cachoeiras é praticamente só subida, algumas bem íngremes. 

ATENÇÃO: No Km 32,4 você vai fazer uma curva à direta descendo, você verá uma ponte, muito estreita, cerca de 5m, quase nem vai notar que é uma ponte, mas é aí que precisa ficar atendo pois antes da ponte há uma propriedade do lado direito da estrada. É a propriedade do Sr. Albino Jacó Kroetz.
Fora as Cachoeiras ele tem diversos produtos da região para vender.
Peça autorização e visite as 3 cachoeiras:
Cachoeira do Pocinho:

Cachoeira da Rampa:

E cachoeira do Rio São Francisco:
(Não tenho fotografia dessa cachoeira de frente ainda)

ATENÇÃO: Aos Km 32,7 no meio da subida a sua frente tem uma entrada à esquerda e uma placa quase invisível dizendo que é a entrada para a cachoeira. Então dobre à esquerda e abandone a via principal!!!

CUIDADO: Daqui para frente o caminho é bem curto mas acabou o refresco normalmente a estrada estará ruim, mas transitável.

Quando chegar no
 Km 33,7 já deverá estar avistando a Cachoeira à sua esquerda ao longe. Então, finalmente lá pelo Km 34 você vai chegar ao acesso à cachoeira: 

DICA: Você pode deixar seu carro nesse lugar aí mesmo, pode deixar na estrada principal, pois há espaço, ou se você tiver confiança que consegue subir de volta dá para descer cerca de metade do trajeto até a cachoeira com o carro por uma ruazinha de grama, MAS EU ABSOLUTAMENTE NÃO RECOMENDO!

Depois disso é trilha por entre as árvores, mas não se preocupe, apesar do caminho ser relativamente fechado (normalmente os moradores vizinhos fazem roçadas e a trilha fica larga e limpa), qualquer criança conseguiria descer pela trilha, basta apenas um pouco de cuidado. 

No fim da primeira parte da trilha há um riozinho a ser atravessado, nesse riozinho, há duas cachoeiras, uma a cerca de 500 metros rio acima e outra um pouco mais ainda.


Daí então vai ter só mais um pedacinho de trilha e você vai se deparar com essa vista:

Muita gente me pergunta como tirei essa fotografia com minha esposa e filho pequeninos perto da imensidão da cachoeira:

É fácil, as pessoas a serem fotografadas tem que ficar logo depois do lago da cachoeira, cerca de 50m da queda.
A pessoa que vai fotografar, fica do outro lado do laguinho que se forma depois das primeiras corredeiras da cachoeira, (cerca de 200m da queda).

Aproveite e explorem bem o lugar, tirem muitas fotos, façam muitos vídeos divulguem, mas principalmente: PRESERVEM! 

IMPORTANTE: Não arranquem plantas locais para trazer para casa, tirem foto e tragam a imagem de lembrança.
 Se forem pegos com plantas nativas dentro do carro na volta, vocês podem estar bem encrencados!

15 comentários:

Anônimo disse...

Parabens, fala-se muito sobre a rota das cachoeiras mais apenas os mais aventureiros sabem desses caminhos. Desse forma colocada no blog ja temos onde passear final de semana, grande abraço

Daiana disse...

Obrigada amigo, eu já estive nesse lugar lindo e nunca pude voltar porque não sabia chegar lá sozinha. Estava em busca dessas informações há mais de 3 anos.

Dina disse...

Parabéns pela iniciativa e obrigada pela dica!

Pedro R Kosera disse...

Meus parabéns, excelente blog, estava procurando a muito tempo o caminho para essa cachoeira. Programão pra esse feriado

Anônimo disse...

Parabéns pelo blog!!! Assim não tem mesmo como errar.

Rafael Brocher disse...

Parabéns cara pela iniciativa... É bem fácil se perder na rota e tenho certeza que está ajudando muita gente a conhecer esta cachoeira maravilhosa...! Parabéns...!

Eliane disse...

Obrigadão por ajudar a encontrarmos esses lugares maravilhosos da nossa terra!!!

Anônimo disse...

Você pode me informar se a parte que sai da estrada principal (a entrada que você disse que é na subida) da para seguir com um carro normal? tenho um Clio e não se se consigo seguir, poderia responder nos comentarios? obrigado, e parabéns pelo roteiro ajudou mt

cesar schmitz disse...

muito bonito as cachoeiras de porto união,e ta de parabens pelo blog ajudo muito pra localizar as cachoeiras, obrigado!!!

Cássio Brendon disse...

há Alguma possibilidade de Camping perto da cachoeira rio dos pardos? ou tem alguma pousada?

Dinarte Guedes disse...

Olá Cássio, há área com possibilidade de acampar e dormir próximo à cachoeira e há uma área plana e abrigada por árvores, contudo não há iluminação, há também a possibilidade de acampar na parte de cima onde começa a trilha, mas também não tem iluminação no local.
Acho que o único local mais próximo do Salto do Rio dos Pardos é esse aqui: https://www.facebook.com/berghaussc
Contudo, não sei a que distância fica pois nunca fui lá.

Há opções de pousadas próximas a Santa Cruz do Timbó que em breve vou postar aqui no blog:
http://ondeficaportouniao.blogspot.com.br/p/roteiros.html

Quézia Cristina disse...

Nossa, muito bacana esse post! Tá de parabéns!

Esses dias atrás fui pra Porto União e vi a placa indicando "rota das cachoeiras", fiquei intrigada e curiosa, e pesquisando, achei esse blog que ensina bem certinho a encontrar as cachoeiras!

Valeu, esse será meu roteiro de viagem pro fds!

Unknown disse...

Dá uma olhada Almeida

Valdir Habas disse...

Simplesmente lindo! !!

Unknown disse...

É uma pena q tem lugares q é proibida a entrada,acho q uns lugares como esses não deveriam proibir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...